700 médicos dentistas para 28 mil habitantes

Angola tem actualmente 701 médicos dentistas, número muito abaixo das necessidades reais do país. A informação foi dada ontem em Luanda, na abertura do primeiro congresso de técnicos daquela especialidade.

A ministra da Saúde, Sílvia Lutucuta, referiu que o sector deve continuar a dar prioridade à formação permanente dos quadros a todos os níveis, para que sejam ultrapassadas as dificuldades nesta área.
Sublinhou que o Ministério da Saúde está a ajustar os programas e planos e a imprimir maior rigor na gestão dos meios. “É nos momentos mais difíceis que se revelam o engenho e a arte dos actores sociais”.

A magnitude dos problemas de saúde, disse Lutukuta, impõe uma resposta multissectorial onde as organizações profissionais, os parceiros, a sociedade civil e as instituições privadas devem ter um papel fundamental.

A ministra disse que o congresso permitiu promover o debate da actividade do núcleo de médicos dentistas, desde a sua criação, com elevado rigor técnico, aprofundando alguns temas fundamentais para o funcionamento do Sistema de Saúde.

Considerou necessário um trabalho conjunto para a elaboração de instrumentos jurídicos que consagrem a carreira do médico dentista integrada no Serviço Nacional de Saúde.  A ministra defendeu a revitalização do Programa Nacional para a Promoção da Saúde oral.

Fonte: Lusa

Deixe o seu comentário