Carlos Silva sai do BCP mas quer ficar no Atlântico

Gearbest Alfawise V8S Max UV Sterilization + Disinfectant Disinfection Wet and Dry Robot Vacuum Cleaner promotion

Carlos Silva vai deixar a vice-presidência do Banco Comercial Português. Contudo, permanece nas listas para continuar como presidente da administração do Banco Atlântico Europa, que ainda aguardam autorização do Banco de Portugal. Mudanças numa altura em que o seu testemunho foi solicitado no âmbito da Operação Fizz.

“O processo de registo dos órgãos sociais para o mandato de 2017/2020 foi entregue no Banco de Portugal no quarto trimestre e está em análise dentro dos prazos normais”, explicam os responsáveis de comunicação do Atlântico Europa.

Carlos Silva, actual presidente da instituição financeira, encontra-se nessa lista, pese embora esteja de saída do BCP. “O conselho de administração do banco mantém-se na íntegra e foi reconduzido em assembleia-geral em 2017, mantendo-se em funções sem qualquer descontinuidade”, acrescenta a fonte .

Diogo da Cunha continua, assim,na liderança executiva, numa equipa que conta ainda com Graça Proença de Carvalho. As mudanças face à situação actual são apenas no conselho fiscal. O Atlântico Europa tem a origem da marca no angolano agora designado de Millennium Atlântico, de que Carlos Silva é também presidente.

O Banco de Portugal confirmou, no início do mês, que se encontra “a analisar a proposta de composição dos órgãos sociais do Banco Atlântico Europa, S.A. para o mandato 2017/2020, encontram-se os administradores em exercício de funções até à conclusão do processo relativo à nova composição”. O actual mandato terminava em 2016.

“Neste âmbito será também analisada a avaliação que a própria instituição terá de realizar sobre cada um dos membros propostos que inclui avaliação sobre o integral cumprimento de todos os requisitos exigidos por lei”, de acordo com o gabinete de comunicação do supervisor.

Caberá ao Banco de Portugal fazer a avaliação do registo da administração, numa altura em que o testemunho de Carlos Silva foi solicitado na investigação judicial Fizz, que se encontra em fase de julgamento.

Fonte : Jornal de Negócios.

Deixe o seu comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.