Do internacionalismo bipolar ao novo mundo tripolar…

Até ao desmoronamento da antiga União Soviética (URSS) e desde o fim da 2.ª Guerra Mundial, o sistema internacional girava em torno de duas superpotências, naquilo que se convencionava denominar de um mundo ou sistema bipolar dominado pelos EUA, como líder do Mundo Ocidental e da OTAN/NATO, e da União Soviética, assumidamente o farol do […]

Reflexões 4: Da queda de presidenciáveis eternos a eternos presidenciáveis

Numa diferença de quase uma semana, assistimos à queda de dois representantes da gerontocracia presidencial africana: os presidentes Abdelaziz Bouteflika, da Argélia, e Omar al-Bashir, do Sudão. Em ambos os casos, as suas saídas da presidência se deveram a revoluções populares internas que – e foi, também, em ambos os casos – levaram os exércitos […]