China e Portugal lideram investimento externo em Angola dos últimos doze meses

A Agência de Investimento e Promoção das Exportações (AIPEX) anunciou nesta terça-feira que, nos últimos doze meses, deram entrada 155 novos projectos privados avaliados em 1,5 mil milhões de dólares (1,3 mil milhões de euros), com a China e Portugal a liderarem os investimentos.

Segundo o presidente do conselho de administração da AIPEX, Licinio Vaz Contreiras, 64 projectos foram apresentados por investidores residentes em Angola e 23 foram projectos mistos.

publicidade

Faça já a sua assinatura: formulário de assinatura
Contactos editoriais: jornalkandandu@gmail.com

Publicidade: vivenviaspress@gmail.com

“E depois há dois países: a China com 15 projectos de investimento privado com um valor de 175 milhões de dólares (162 milhões de euros), segue-se Portugal com 12 projectos de investimento com um valor de 5,2 milhões de dólares (4,6 milhões de euros), disse, nesta terça-feira em Luanda.

Falando durante a cerimónia de apresentação do projecto do Centro Político Administrativo de Luanda fez saber que com a entrada em vigor da Lei do Investimento Privado, em 26 de Junho de 2018, os sectores da indústria, comércio, serviços e agricultura “estão no topo dos investimentos”.

Dos 155 projectos registados, “nesse momento 38 estão, efectivamente, implementados, estão a funcionar”, tendo sido já arrecadados cerca de 778 milhões de dólares (693 milhões de euros).

Licínio Vaz Contreiras manifestou-se igualmente “satisfeito” pelo interesse de países africanos a investirem em Angola, nomeadamente Eritreia, Quénia, Moçambique, Uganda, Namíbia, Burundi, Madagáscar e Etiópia já com alguns projectos no país .

Fonte: Lusa

Deixe o seu comentário