Cidadão angolano acusado de burla é preso numa agência bancária no Rio de Janeiro

Um cidadão angolano foi preso, em flagrante, na tarde desta quinta-feira, 10 de Janeiro, por efectivos da Delegacia de Polícia (DP) do Leblon, dentro de uma agência bancária na Avenida Ataulfo de Paiva, no Leblon, na Zona Sul do Rio de Janeiro.

Ambrósio Simão Cassul Muhongo, de 40 anos, foi detido quando efectuava uma autorização de pagamento de dívida no valor de 3,3 mil reais (aproximadamente mil dólares norte-americanos) com um cheque fraudulento.

Os efectivos da polícia local foram alertados pelos funcionários da agência bancária, uma vez que o cidadão angolano já teria aplicado o golpe por duas vezes na mesma agência.

Ambrósio Simão C. Muhongo foi preso em flagrante pelo crime de burla, cuja pena, no Brasil é de cinco anos de prisão

Na esquadra de polícia, o cidadão angolano assumiu a autoria do golpe e confessou que a referida autorização de pagamento de dívida era falsa. Apenas o código de barras era verdadeiro e a intenção do suspeito era que o dinheiro do cheque fosse depositado na conta de um comparsa.

O esquema estava montado de tal forma, que quando banco notasse que o cheque era fraudulento já teria pago a autorização de liquidação da dívida e ficaria com o prejuízo. Ambrósio Simão C. Muhongo admitiu ainda que já havia aplicado o golpe outras duas vezes.

Ambrósio Simão C. Muhongo estava inscrito na missão consular de Angola no Rio de Janeiro desde 2009.

Fonte : Jornal Extra.

Deixe o seu comentário