Consulado Geral de Angola em Lisboa reúne-se com associações comunitárias

O encontro foi orientado por Mário Silva, vice- cônsul para o Sector das Comunidades do Consulado Geral de Angola em Lisboa, teve lugar passado dia 29 de abril , e contou com a presença de representantes das associações comunitárias angolanas que actuam na Região Autónoma da Madeira, do presidente da Federação das Associações Angolanas em Portugal, Jerónimo David. Maria Andrina Lemos Neto, responsável do Sector de Estudantes da Embaixada de Angola em Portugal, e Constância Van- Dúnem Vienga , vice-cônsul para o Sector do Notariado.

Estes encontros de Mário Silva com os líderes associativos visaram proceder à sua apresentação formal junto do movimento associativo angolano, além de proporcionar a estes a oportunidade de partilharem os seus principais constrangimentos, desafios, projectos e ambições o associativismo comunitário.
Da parte do vice-cônsul para o Sector das Comunidades, ouviram a promessa de um total empenho na causa e valores comunitários. Uma relação de maior proximidade e inclusão com a comunidade residente no arquipélago.
Mário Silva partilhou com os presentes a experiência da missão consular de Angola em Lisboa, nos projectos de assistência social aos reclusos da zona de circunscrição de Lisboa, bem como da Campanha Especial de Registo Civil e Notariado organizada pela sua instituição.
Fizeram parte do encontro representantes da Casa de Angola na Madeira e da Associação dos Angolanos na Região Autónoma da Madeira ” Arco Angolano” .
O Consulado Geral de Angola em Lisboa tem sob sua jurisdição as comunidades angolanas residentes na zona de circunscrição de Lisboa e das regiões autónomas da Madeira e dos Açores.
#vivenciaspress #vivenciaspressnews #vpnews