Delta Q renova máquinas em casa dos consumidores

Marca líder de café em cápsulas em Angola promove campanha Troca por Troca até dia 15 de Maio

A Delta Q, marca líder de café em cápsulas no mercado angolano, acaba de lançar mais uma campanha Troca por Troca para renovar o parque de máquinas existentes em Angola. Até dia 15 de Maio, os consumidores podem adquirir máquinas Delta Q Qlip pelo valor simbólico unitário de dez mil kwanzas, à troca de máquinas avariadas da Delta Q e máquinas antigas pertencentes a marcas concorrentes.
Os consumidores interessados em trocar as suas máquinas de café em cápsulas devem enviar e-
mail para trocaportroca@angonabeiro.co.ao até ao dia 15 de Maio, estando a oferta limitada a
duas máquinas por cliente. O contacto para o esclarecimento de quaisquer dúvidas sobre o
processo de troca pode ser também realizado através das redes sociais e canal de WhatsApp da
marca.
“A campanha Troca por Troca visa garantir um serviço de excelência aos consumidores
Delta Q que já estão com a marca há alguns anos e que têm, por algum motivo,
equipamentos avariados. Vamos trocá-los por um valor simbólico, para que possam
novamente voltar a saborear o café em cápsulas líder em Angola. Pretendemos continuar
este caminho consistente de liderança, assegurando este ano aos consumidores uma nova
dimensão do expresso, proporcionada pela máquina de café Delta Q Qlip, que se destaca
por ser muito silenciosa, rápida e compacta, com um design único”, afirma Nuno Moínhos,
Director-Geral da Angonabeiro.
Após o registo e processamento do pedido dos clientes, através do e-mail criado para o efeito, a
Delta Q procede à respectiva marcação do dia e hora de entrega, num prazo máximo de 72 horas,
após a confirmação de pagamento.
“Este processo digital permite-nos recolher as máquinas avariadas e antigas e entregar as
máquinas Delta Q Qlip em casa dos consumidores angolanos, sem ser necessário saírem
de casa. Na Delta Q privilegiamos o conforto dos nossos clientes e consumidores e um
fácil acesso às suas marcas preferidas, sendo o reforço do investimento no digital, tanto na
comunicação como nas vendas, uma das nossas preocupações e prioridades”, conclui Nuno Moinhos

Exit mobile version