Fim de Ano em Angola com mais 400 polícias

kalola Store

A Polícia angolana destacou mais de 400 efectivos da Brigada Especial de Trânsito (BET) para garantir a segurança rodoviária durante a passagem de ano, sobretudo nas problemáticas Estradas Nacionais número 100, 230 e 125.

Segundo informação avançada hoje pelo chefe do posto de comando central da Polícia Nacional, Caetano Kiari, para as estradas nacionais foram criadas missões concretas, com vista a garantir que não haja “acidentes graves, aparatosos, e com ferimentos ou mortes”.

O responsável manifestou preocupação com as Estradas Nacionais números 100 – Luanda/Benguela, 120 – Luanda/Huambo/Bié e Cuando Cubango, e 230 – Luanda/Malange.

“Estarão montados postos de forma reforçada, para além dos habituais que já tínhamos, serão também montadas barreiras, com a colocação de cones, para ajudar os automobilistas a reduzirem a velocidade”, explicou o responsável.

Acrescentou que vão estar também montados destacamentos de prevenção e segurança rodoviária, nessas Estradas Nacionais, com efetivos “para fazer socorrer qualquer situação que ocorra”.

Em Angola, os acidentes de viação são a segunda causa de morte, depois da malária.

No natal, os acidentes de viação lideraram a lista de ocorrências registadas nos principais hospitais de Luanda, capital de Angola, com um total de 42 casos dos 1.243 notificados.

Os dados foram avançados pelo coordenador adjunto da comissão para a segurança na quadra festiva do Ministério da Saúde, Estáquio Gomes.

“Continuamos a apelar aos sete milhões de pessoas que vivem em Luanda para não misturarem a condução com o álcool, porque isso é o maior problema, estes dias tivemos cinco atropelamentos, só em Viana, e uma das pessoas atropeladas é uma senhora grávida”, referiu o responsável, em declarações à rádio pública angolana.

Fonte: Lusa

Deixe o seu comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.