Ministra das Pescas e do Mar visita Estação Piloto de Piscicultura de Olhão

A ministra das Pescas e do Mar, Maria Antonieta Baptista visitou na manhã deste sábado, 19 de Maio, a Estação Piloto de Piscicultura de Olhão (EPPO), na zona de Algarve em Portugal.

A governante angolana foi recebida pelo secretário de Estado das Pescas de Portugal, José Apolinário e pelo responsável da EPPO, Pedro Pousão Ferreira, numa visita em acompanhada pelo embaixador de Angola em Portugal, Carlos Alberto Fonseca.

publicidade

“Temos estudantes da faculdade de Medicina Veterinária da Universidade José Eduardo dos Santos que precisam de aulas práticas em aquicultura . Vamos convidar-lhes a fazer parte do protocolo de cooperação”, disse.

Maria Antonieta Baptista destacou também a importância do reforço da cooperação nas áreas de investigação e formação técnico -profissional.

“Numa primeira fase a aposta será na cooperação ao nível docente e discente. (…) Vamos estudar a melhor época do ano. O ministério das Pescas e do Mar tem um pequeno projecto de aquicultura em águas salgadas situado nos Ramiros. Nós vamos retirar daqui experiências e enviar quadros para formação e capitação”, reafirmou a ministra.

José Apolinário, secretário de Estado das Pescas saudou o empenho e dedicação do ministério das Pescas e do Mar de Angola em “na aposta em aquicultura” manifestando vontade em “cooperar de forma activa”.

“Saúdo muito o empenho da ministra nesta presença aqui em Olhão, porque estou confiante, que é uma aposta que também está a fazer na aquicultura. Da nossa parte, estamos sempre disponíveis com os nossos técnicos e cientista para cooperar de uma forma activa”, disse o governante português.

Foi também destacado os esforços de Angola em desenvolver uma “pesca sustentável”, e também uma “economia do mar sustentável”.

publicidade

Faça já a sua assinatura: formulário de assinatura
Contactos editoriais: jornalkandandu@gmail.com

Publicidade: vivenviaspress@gmail.com

“Destaco este empenho [da ministra das Pescas e do Mar de Angola] em desenvolver uma pesca sustentável e também uma economia do Mar sustentável, por isso saúdo a sua presença aqui em Olhão”, concluiu José Apolinário.

A Estação Piloto de Piscicultura de Olhão (EPPO) é uma estrutura de Investigação e Desenvolvimento Tecnológico, com escala pré-industrial em aquicultura e biologia marinha. Esta estrutura constitui o suporte privilegiado para a transferência de tecnologia para aquicultores e par a formação técnica e científica nesta área.

Deixe o seu comentário