MPLA sugere a Tchizé dos Santos suspensão do mandato de deputada

A Direcção Restrita do Grupo Parlamentar do MPLA sugeriu, terça-feira, à deputada Welwitschia José dos Santos “Tchizé dos Santos”, a suspensão provisória do cargo, por ter ultrapassado os 90 dias de ausência que a Lei permite.

Em resposta, a deputada Tchizé dos Santos disse que não o fará, que se sente perseguida e vai contar tudo ao povo.

O documento endereçado à Tchizé dos Santos, a que o Jornal de Angola teve acesso, refere que a decisão surgiu na reunião extraordinária, em que o Grupo Parlamentar do MPLA analisou a situação da deputada Welwitschia José dos Santos, à luz das alíneas b) e c) do artigo 151 da Constituição da República de Angola e das alíneas b) e c) do artigo sétimo do Estatuto do Deputado.

Tendo ultrapassado os 90 dias que a Lei permite, quer por motivo de doença, quer pela permanência no exterior do país, o Grupo Parlamentar do MPLA “sugere que a deputada peça suspensão provisória do mandato, podendo retomar o seu assento, logo que cessarem as razões da ausência”.

Para o efeito, Welwitschia José dos Santos é aconselhada a socorrer-se da alínea b) do artigo oitavo do Estatuto do Deputado, que sugere a suspensão do mandato, mediante requerimento do próprio deputado ao Presidente da Assembleia Nacional.

Fonte: Jornal de Angola.

Deixe o seu comentário