Portugueses em busca de parceiros para investimento

A primeira edição da Feira Internacional de Malanje – Expo-Malanje 2019 – teve início na quinta-feira, 2 de Maio, no pavilhão multiusos de Malanje, com a participação de mais de 150 expositores nacionais e estrangeiros, nomeadamente de Portugal, África do Sul, Brasil, Índia, Israel e Estados Unidos da América.

A sessão de abertura da Expo-Malanje teve a presença dos ministros do Comércio e da Indústria, Joffre Van-Dúnem e Bernarda Martins, respectivamente, dos secretários de Estado da Economia e da Agricultura, bem como do governador provincial, Norberto dos Santos. Naquele momento, o ministro do comércio afirmou a importância da actividade agro-industrial no quadro do Programa Integrado do Comércio Rural:

Estamos a prestar maior atenção à produção agrícola familiar, e consequentemente no desenvolvimento da actividade agro-industrial dentro do enquadramento do em fase de aprovação, sendo Malanje seleccionada como uma das províncias piloto para a implementação do mesmo

O segundo dia de actividades da 1.ª Expo-Malanje foi dedicado à Feira da Mandioca e ao estabelecimento de encontros com um grupo de empresários portugueses, presentes no certame para estudar a possibilidade de investir na economia local.

No decorrer da Feira da Mandioca, houve discussões em torno dos resultados de sobre o valor nutritivo deste tubérculo, o que contribui para a instalação na província de um Centro de Pesquisa da Mandioca da Comunidade de Desenvolvimento da África Austral (SADC).

A realização do também denominado Salão da Mandioca é explicada pela organização pelo facto de este tubérculo ser a base alimentar de grande parte da população angolana e por ser tido pelo Fundo das Nações Unidas para Alimentação (FAO) como o alimento do século.

Luís Castro, chefe da delegação de empresários portugueses, admitiu à imprensa que os investimentos das companhias representadas na feira podem estender-se por distintos sectores como energia e tratamento de lixo, entre outros.

Espera-se que durante o dia de sábado delegações do Brasil e da China visitem a feira.

A Expo-Malanje inclui ainda um salão de cultura, no âmbito do qual são haverá diversas manifestações artísticas das 18 províncias do País, para além de um salão da saúde, onde os interessados podem aceder a consultas gratuitas.

1 comments

Boa tarde,

Eu vivo em Luanda e não vou poder estar na feira e também nem sabia que ia acontecer.

Contudo, gostaria de pedir contactos com investidores ou com a organização da feira visto que tenho uma pessoa muito próxima que pretende comprador ou investidor para uma área de aproximadamente 750 Hectares de terreno em zona muito fértil ao lado oeste de uma linha de água abundante que no mapa aparece sem nome mas que o proprietário diz que lhe chamam rio Kuige.

Aguardando vossa resposta.

Obrigado
Cumprimentos
Filipe Pinheiro
Tel.936514161

Deixe o seu comentário