Resolvidas as questões políticas com Angola, “agora é a hora dos empresários”, diz Marques Mendes

A viagem do Presidente português a Angola e os três anos de Marcelo Rebelo de Sousa no Palácio de Belém ocuparam, este domingo, grande parte do habitual espaço de comentário de Luís Marques Mendes no “Jornal da Noite” da SIC.

“Esta visita foi um enorme sucesso, acima das expectativas, melhor era impossível”. O comentador salientou a importância política da visita e o restabelecimento da confiança entre Lisboa e Luanda.”Provavelmente, não houve período em que as relações Portugal-Angola, do ponto de vista político, estivessem tão boas como agora”.

“Chegou ao fim uma fase : a de resolver as questões políticas. Governo e Presidente conseguiram-no e fizeram bem. Os políticos fizeram o seu trabalho, agora é a hora dos empresários, e as oportunidades não faltam. Ou os empresários portugueses investem, ou desperdiçam uma oportunidade”, frisou.

O comentador destacou ainda o “sucesso popular” desta deslocação oficial.

“Cavaco Silva, Jorge Sampaio, Mário Soares podiam fazer uma visita deste género e ter o mesmo sucesso político. O que dificilmente conseguiriam era ter o mesmo apoio popular. É o efeito Marcelo”.

Se em Portugal, Marcelo é conhecido como “o Presidente dos afectos”, em Angola foi carinhosamente apelidado de “Ti Celito”, revelador de um estilo de proximidade ao povo, visível também em Angola e que tem sido uma constante dos três anos de mandato que já leva, assinalados este sábado.

Fonte: Expresso.

Deixe o seu comentário