Sérgio Moro aceita ser ministro da Justiça de Jair Bolsonaro

Sérgio Moro deslocou-se ao Rio de Janeiro, onde se reuniu durante cerca de uma hora e meia com o recém-eleito Presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, que já tinha revelado interesse em nomear o juiz como ministro da Justiça ou membro do Supremo Tribunal Federal do Brasil quando abrisse vaga .

Sérgio Moro publicou uma nota afirmando que aceitou “honrado” o convite para ocupar o cargo de ministro da Justiça e Segurança Pública e promete “uma forte agenda anticorrupção e anticrime organizado”.

Além de falar sobre o convite, a nota do magistrado diz que “para evitar controvérsias desnecessárias, devo desde logo afastar-me de novas audiências”.

No dia 14 de Novembro, o magistrado teria uma audiência para interrogar o ex-Presidente Luiz Inácio Lula da Silva, no caso do sítio de Atibaia.

De acordo com uma fonte com conhecimento do assunto, Moro já estava decidido a aceitar e só esperava a garantia formal do próprio Presidente eleito com as condições pedidas por ele para assumir o cargo : o compromisso do Governo com a aprovação das 10 medidas contra a corrupção preparadas pelo Ministério Público e a ampliação dos poderes do Ministério da Justiça.

Fonte: Exame

Deixe o seu comentário