Sonangol vai poder ter 20% de novas descobertas de petróleo em Angola, diz ministro Diamantino Azevedo

kalola Store

“A Sonangol tem esse direito de preferência”, disse o governante, assumindo tratar-se de uma tentativa de proteger a companhia petrolífera angolana.

Em declarações aos jornalistas em Luanda, citadas pela agência de informação financeira Bloomberg, Diamantino Azevedo explicou que o objectivo é compensar a Sonangol depois de a empresa ter “perdido” o papel de regulador e concessionária dos campos petrolíferos.

Angola, o segundo maior produtor de petróleo na África subsaariana a seguir à Nigéria, tomou um conjunto de medidas para aumentar a produção petrolífera, entre as quais o lançamento de novos blocos para licitação e a transferência do papel de concessionário da Sonangol para uma recém-criada Agência Nacional do Petróleo, Gás e Biocombustíveis.

A possibilidade de a Sonangol ter 20% das novas descobertas foi decidida depois de “discussões directas” com alguns detentores dos blocos, que a Bloomberg diz que Diamantino Azevedo não especificou quem são.

Fonte: Lusa.

Deixe o seu comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.