Substância produzida no intestino de baleia pode valer 225 mil euros

kalola Store

Um músico encontrou o âmbar-cinzento quando caminhava numa praia de Devon, no Reino Unido. Criadores de perfumes são dos que mais procuram a substância.

Jack Tipper, um músico de 39 anos, encontrou uma substância conhecida como ‘ouro flutuante’. O âmber-cinzento é produzido pelo intestino das cachalotes e é considerado um dos tesouros naturais mais procurados. No passado foi usado por reis e atualmente são os criadores de perfumes que mais desejam obter o âmber-cinzento.

Segundo o Metro, Jack Tipper encontrou o ‘tesouro’ quando caminhava numa praia em Devon, no Reino Unido. Agora, o músico pode encaixar uma avultada quantia quando vender o âmber-cinzento.

Só para se ter uma ideia, em 2015 um pedaço deste produto foi vendido num leilão no Reino Unido a um comprador francês por mais de 12 mil euros.

Mas Jack Tipper afirma que lhe foi dito que o âmber-cinzento que encontrou pode render mais de 225 mil euros. O valor vai depender do tempo que esteve no mar. “Falei com uma universidade e um especialista online disse-me que parece ser genuíno. Está num cofre agora”, conta o músico.

A confirmar-se que é genuíno, Jack Tipper pode realizar um dos seus sonhos e comprar uma casa.

Deixe o seu comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.