Ex-oficiais generais angolanos na reforma prometem aguardar por resolução no corte de pensões

O presidente da Associação dos Ex-Oficiais Generais, Superiores e Subalternos Reformados de Angola garantiu hoje que os mais de 350 associados vão aguardar pela resolução do corte nas pensões decidido em 2008 sem fazer qualquer ação de protesto. Em declarações aos jornalistas, o brigadeiro José Alberto Nelson “Limuqueno”, reformado compulsivamente em 2004, referiu ter tido […]