Estudo revela que médicos angolanos estão insatisfeitos com trabalho e qualidade de vida

Mais de 40 por cento dos médicos angolanos estão insatisfeitos com as condições de salariais e de trabalho e um terço considera ter uma qualidade de vida “muito má”, indicam as conclusões de um estudo apresentado hoje em Luanda. Os resultados preliminares do estudo, promovido pelo Centro de Estudos Avançados de Educação Médica da Faculdade […]