Juízes do Tribunal Constitucional angolano queixam-se de subfinanciamento

Os juízes conselheiros do Tribunal Constitucional de Angola pagam do seu bolso, há cerca de dois anos, despesas correntes, os consumíveis de escritório, disse hoje um magistrado, exemplificando o impacto da crise económica na instituição. Falando aos deputados, o juiz conselheiro Américo Garcia alertou para o subfinanciamento do tribunal constitucional no âmbito das discussões, na […]