Angola assinala 41 anos da sua admissão na ONU

kalola Store

O Ministério das Relações Exteriores refere, numa nota, que a aceitação do país na ONU, a 1 de Dezembro de 1976, teve como base a resolução 397/76 e contou com votos favoráveis da França, Grã-Bretanha e Rússia, sendo que a China se absteve.

” Por ser um interlocutor válido, Angola esteve já por duas vezes no Conselho de Segurança da ONU, na qualidade de membro Não -Permanente (2003 e 2015-2016) “, diz o documento.

Na segunda vez (2015-2016), Angola presidiu em regime rotativo o órgão no mês de Março de 2016.

A admissão de Angola no lugar 146 entre os Estados Membros da ONU permitiu ao então primeiro vice -primeiro ministro, José Eduardo dos Santos, discursar perante a Assembleia Geral da organização, em Nova Iorque, EUA.

Nesta qualidade, José Eduardo dos Santos, proferiu um discurso em que ressaltava o estado de Nação da então República Popular de Angola, a reconstrução nacional, a solidariedade com os povos oprimidos e apelava para a necessidade de tratamento igualitário no contexto internacional.

No tags for this post.

Deixe o seu comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.