Portugal: Correio da Manhã continua a ser jornal preferido dos leitores

Gearbest Alfawise V8S Max UV Sterilization + Disinfectant Disinfection Wet and Dry Robot Vacuum Cleaner promotion

No ano passado, o Correio da Manhã manteve a posição de jornal mais vendido em Portugal, segundo os dados da Associação Portuguesa para o Controlo de Tiragem e Circulação (APCT), ontem divulgados.

Entre Janeiro e Dezembro de 2017, o Correio da Manhã vendeu em banca uma média de 86 519 exemplares por dia, o que representa uma quota de mercado de 59,5% entre a imprensa generalista. Ou seja, em cada 100 compradores de jornais em Portugal, perto de 60 optam por um exemplar do Correio da Manhã.

Em segundo lugar na tabela de jornais e revistas de informação mais vendidos em banca surge o semanário Expresso, com uma média de 61 912 exemplares por edição (quebra de 8,9%), seguido do Jornal de Notícias, com 38 059 exemplares por dia (menos 10%).

O diário desportivo Record mantém-se na quarta posição com uma média de 32 280 cópias vendidas diariamente ( menos 14,3%). Logo a seguir surge a revista semanal Sábado com 23 186 exemplares ( uma queda de 12,5%).

A Visão ocupa o sexto posto da tabela, com 21 375 exemplares semanais e um crescimento de 1,3% no número de compradores, tornando-se na única publicação a recuperar compradores em 2017. O Público surge a seguir, com uma média de 13 328 jornais vendidos por dia ( menos 0,3 %), seguido do desportivo O Jogo com 12 055 exemplares diários, uma quebra de 9,2%.

No último lugar está o Diário de Notícias, que vendeu 7 408 jornais por edição, ou seja, menos 19,7% quando comparado com o ano anterior.

No que diz respeito às vendas somadas dos quatro diários generalistas, a quebra foi de 9,9%, o que representa menos 15 927 exemplares vendidos diariamente. De referir ainda que tanto o semanário Sol como o diário i deixaram de ser auditados, por opção própria, pela APCT, seguindo o exemplo de A Bola.

Fonte : APCT

Deixe o seu comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.