Serviços secretos europeus cortam com a Áustria por ligações à Rússia

kalola Store

As agências de informação e espionagem do Reino Unido e Holanda restringiram a informação que partilharam com a Áustria, em mais mais um passo no isolamento dos serviços de informação interna do país (BVT, agência de Protecção da Constituição e Contra-Terrorismo).

Motivo: a BTV está sob alçada directa do Ministério do Interior, ocupada por Herbert Kickl, do FPÖ (Partido da Liberdade).

A ligação da FPÖ (Partido da Liberdade), formação de extrema-direita fundado por antigos nazis, ao partido Rússia Unida, do Presidente russo, Vladimir Putin, é forte e visível. Os dois têm um acordo de cooperação formal (questionado pelo diário austríaco Der Standard sobre o que implica este acordo, o FPÖ não respondeu), e há também ligações entre os responsáveis.

Putin foi convidado no casamento da ministra dos Negócios Estrangeiros da Áustria, Karin Kneissl. As imagens dos dois a dançar na cerimónia levantaram ainda mais questões sobre a relação do FPÖ com a Rússia.

Vladimir Putin disse que o convite foi “puramente pessoal”, mas acrescentou, em declarações à imprensa, que “apesar da festividade foi possível falar tanto com a ministra como com o chanceler”, Sebastian Kurz, do Partido Conservador ÖVP e que governa em coligação com o FPÖ desde Dezembro de 2017.

Fonte: Público.

Deixe o seu comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.